Faceboob Twitter Image Map

Facebook
ABVO - Academia de letras

ABVO

Academia de letras


Em cerimônia realizada na ABVO Trindade, a Academia de Letras Comemorou 5 anos. Veja aqui




Opresidente da Academia de Letras dos Militares Estaduais, coronel PMRR RobertoRodrigues de Menezes lança em 7 de dezembro próximo, em solenidade no InstitutoHistórico e Geográfico de Santa Catarina, sua minha décima segunda obra,intitulada "Mitologia em Verso". O livro narra toda a mitologiagreco-romana em 416 páginas de versos clássicos.


Artigos



Edital Academia de Letras dos Militares Estaduais de Santa Catarina

A Academia de Letras dos Militares Estaduais de Santa Catarina foi fundada em 1º de Outubro de 2012, com o objetivo de fomentar, estimular e prover de maneira sistemática e continuada a cultura em todos os níveis no âmbito das duas Corporações que lhe dão respaldo: a Polícia Militar de Santa Catarina e o Corpo de Bombeiros Militar do mesmo Estado. Seus integrantes são militares estaduais da Ativa e da Reserva das duas instituições. A área técnica, o resgate da rica História das duas Corporações (a Polícia Militar desde 1835 e o Corpo de Bombeiros Militar desde 1926), como também a Literatura na sua forma ampla de conto, crônica, poesia, ensaio e biografia, são seus objetivos culturais permanentes, como também parceria constante e fraterna com as instituições e sodalícios da cultura catarinense.
A Academia foi instalada no dia 25 de outubro de 2012 em cerimônia solene na Assembleia Legislativa, em Florianópolis, com a presença do universo cultural da região da grande Florianópolis, através de suas Academias de Letras e entidades lítero-culturais. Sua sede situa-se na Associação Barriga Verde dos Oficiais Militares Estaduais, na rua Lauro Linhares, Trindade, Florianópolis. Participaram de sua fundação e instalação dezessete policiais e bombeiros militares da Ativa e da Reserva, que reuniram mérito através de sua atuação no contexto cultural das suas Corporações.

Acadêmicos
  • Cadeira 01 ─ Coronel Edmundo José de Bastos Júnior
  • Cadeira 02 ─ Coronel Roberto Rodrigues de Menezes
  • Cadeira 03 ─ Coronel Paulo Roberto Bornhofen
  • Cadeira 04 ─ Tenente Coronel Fredolino Antônio David
  • Cadeira 05 ─ Tenente Coronel José Geraldo Rodrigues de Menezes
  • Cadeira 06 ─ Coronel Álvaro Maus
  • Cadeira 07 ─ Coronel Alexandre Corrêa Dutra
  • Cadeira 08 ─ Coronel Ib Silva
  • Cadeira 09 ─ Tenente Coronel Edenice da Cruz Fraga
  • Cadeira 10 ─ Coronel Flávio Luiz Pansera
  • Cadeira 11 ─ Coronel Marcos de Oliveira
  • Cadeira 12 ─ Tenente Coronel Francisco de Assis Vitovski
  • Cadeira 13 ─ Coronel Marlon Jorge Teza
  • Cadeira 14 ─ Coronel Giovani de Paula
  • Cadeira 15 ─ Coronel Onir Mocellin
  • Cadeira 16 ─ Coronel Marcello Martinez Hipólito
  • Cadeira 17 ─ Coronel Altair Francisco Lacowicz
  • Cadeira 18 ─ Coronel Carlos Alberto de Araújo Gomes Júnior
  • Cadeira 19 ─ Major José Ivan Schelavin
  • Cadeira 20 ─ Coronel José Luiz Gonçalves da Silveira
  • Cadeira 21 ─ Sargento Edson Rosa Gomes da Silva
  • Cadeira 22 ─ Subtenente Andrei Francisco Fernandes
  • Cadeira 23 ─ Coronel Luiz Antônio Cardoso
  • Cadeira 24 ─ Tenente Coronel Alessandro José Machado
  • Cadeira 25 – Coronel Fred Harry Schauffert
  • Cadeira 26 – Coronel Edupércio Pratts
  • Cadeira 27 – Subtenente Henrique Nakalski
  • Cadeira 28 – Sargento Luiz Carlos Chaves
  • Cadeira 29 – Coronel Valdez Rodrigues Venâncio
  • Cadeira 30 – Major Nicolau Manoel de Souza
  • Cadeira 31 – Tenente Coronel Ademar Casanova

A lei municipal 9. 608 de 15 de agosto de 2014 considerou a entidade de utilidade pública municipal. Foi projeto do vereador e presidente da Câmara César Luiz Belloni Faria, que ganhou o diploma de Amigo da entidade (2014). Em 2013 a ACORS e a ABVO fizeram jus ao mesmo diploma, pelo apoio decisivo que vêm prestando ao nosso sodalício. Com a medalha Almesc, anual, foram agraciados os escritores Artemio Zanon (2013) e Nereu do Vale Pereira (2014), pelo vulto de sua obra literária.

Livros publicados pelos acadêmicos a partir da criação da Academia em 1º de Outubro de 2012:

1 - Memória Militar Estadual (resenha do centenário da PM e pequenas biografias de oficiais já falecidos e dos oficiais mais antigos, além de notícia sobre a fundação da Academia). Autor: Coronel Roberto Rodrigues de Menezes, Cadeira 2.
2 - Castelo Azul – Tomo I da trilogia de Castelos - livro de poemas comemorativo ao ingresso do autor, Roberto Rodrigues de Menezes, na Academia Desterrense de Letras.
3 - 10º BPM – Os primeiros vinte e cinco anos – Obra do vice-presidente da Academia, Tenente Coronel Paulo Roberto Bornhofen, que narra a trajetória do valoroso batalhão do vale germânico no seu primeiro quarto de século de atividades.
4 - Arcanjo – Livro que relata a origem do Batalhão de Operações Aéreas (BOA), elaborado a quatro mãos pelo acadêmico Coronel Álvaro Maus e o Tenente Coronel Edupércio Pratts, comandante daquela briosa Unidade.
5 - Epicentro de uma tragédia – Relatos de dramas de policiais e bombeiros militares que estiveram no centro da catástrofe que atingiu Santa Catarina em Novembro de 2008. Obra do Tenente Coronel Paulo Roberto Bornhofen, lançada na Fundação Blumenauense de Cultura no mês de março.
6 – Vida de caserna – Biografia do Coronel Francisco Antônio da Silva – Editora Insular – obra de José Geraldo Rodrigues de Menezes.
7 – Para Portugal, terra mãe – obra de Roberto Rodrigues de Menezes editada em Lisboa, Fênix Editora. Poemas clássicos. Coordenada pelos escritores portugueses Maria do Carmo Vasconcelos e Henrique Lacerda Ramalho.
8 – Castelo Púrpura – Tomo II da Trilogia de Castelos de Roberto Rodrigues de Menezes – Editora Papa-livro.
9 – Águia Urbana – obra de Alessandro José Machado lançada na Livraria Curitiba em Joinville. Helicópteros da PM em ação.
10 – 1ª Antologia da Academia de Letras dos Militares Estaduais. – Editora Papa-livro.
11 – Polícia Militar de Santa Catarina, origens e evolução – Andrei Francisco Fernandes – Editora Papa-livro.
12 – Andando por aí – crônicas da ilha – obra de Luiz Antônio Cardoso. Editora Papa-livro.
13 – Castelo Verde – Tomo III da Trilogia de Castelos – Roberto Rodrigues de Menezes – Editora Papa-livro.
14 – Prevenção de Incêndios – obra de Luiz Antônio Cardoso – Editora Papa-livro.
15 – No tempo do Coronel Lopes – obra em segunda edição revista e ampliada de Edmundo José de Bastos Júnior.
16 - Livro dos Patronos 1 – obra da própria Academia em seu volume primeiro, a ser lançada em 2015 – Editora Papa-livro.

Como se pode aquilatar, nossa produção acadêmica tem sido considerável, para os nossos primeiros dois anos de vida.

Coronel Roberto Rodrigues de Menezes
Presidente da Academia de Letras dos Militares Estaduais de Santa Catarina.

Intensivo CFsd
Intensivo CFsd
Intensivo CFO
Calendários cursos ABVO
Sede Balneária
Já sou associado
Seja Sócio
Convênios
Cadastro de email
Galeria de fotos
Galeria de vídeos
Academia de letras
Associação Eloi Mendes
FENEME
Contra Cheque
   
calenda

Classificados Anuncie aqui Image Map